RSCMB > Notícias > Tudo parece um sonho, não uma fantasia

Tudo parece um sonho, não uma fantasia

No dia 21 de janeiro de 2017, na Paróquia Imaculada Conceição, em Belo Horizonte -MG, eu e outras quatro companheiras professávamos os primeiros votos, no Instituto das Religiosas do Sagrado Coração de Maria.

A celebração Eucarística foi presidida por Pe. José Armando e co-celebrantes. Tudo foi muito bem vivenciado na liturgia, desde os cânticos com o grupo da paróquia, às leituras, salmo e comentário feitos por nós neo-professas e por Ir. Eugenia Ferreira.

As preces foram rezadas por diferentes pessoas que acompanharam nossa caminhada até aquele momento. A Assembléia do povo de Deus, além de ter diferentes comunidades, com alguns representantes de outros lugares do Brasil, tinha também algumas irmãs  representantes de todo mundo. Foi inebriante!

Gostaria muito de ter uma palavra que expressasse fielmente o que senti e ainda estou sentindo ao viver aquela Eucaristia de entrega ao Senhor.

Ter minha família presente, amigos e especialmente minhas co-irmãs RSCM foi como ter o maná decido do céu. Porém, nada se compara à alegria, emoção e realização que senti quando verbalizei meu sim, não o sim temporário, o sim daquela hora, o sim do tempo de formação, mas o Sim que ardia no meu coração diante de Jesus e toda assembléia reunida. Este sim que não é meu, apenas serei instrumento de Deus para continuar dando sim à vida, sim à justiça, sim ao nosso povo, sim à vida comum, sim aos desafios e sim a Este que sempre me confirma no meu sim.

Poderia falar por horas e horas de tanta felicidade que passa no meu coração, só de lembrar o dia 21 de janeiro, mas não preciso, qualquer pessoa que me vê, sente e percebe o brilho novo no meu olhar. Ainda tudo parece um sonho, não uma fantasia.

Todos os dias olho e beijo minha cruz, símbolo do nosso Instituto RSCM, e peço ao bom Deus que me ajude a ser capaz de carregá-la com fidelidade e dignidade, tal como Ir. Odette Machado, de quem herdei a cruz, a carregou e como cada RSCM carrego com amor, coragem, liberdade e entrega diária.

Ir. Aélita Otávia da Silva, RSCM