RSCMB > Notícias > Projeto Convivendo – ação comunitária no Projeto Vida Padre Gailhac – São Sebastião

Projeto Convivendo – ação comunitária no Projeto Vida Padre Gailhac – São Sebastião

No último sábado, dia 18 de agosto, os pais e alunos dos 4º e 5º Anos do Ensino Fundamental I do Colégio Sagrado Coração de Maria, de Brasília, e as crianças atendidas pelo Projeto Vida Padre Gailhac, localizado na cidade de São Sebastião, participaram de mais uma edição do Projeto Convivendo. Foi um sucesso!

A ideia foi promover um momento de integração entre as famílias dos alunos do colégio e a comunidade, além de proporcionar aprendizagem e partilha de conhecimentos. A ação comunitária contou com diversas atividades e prestação de serviços gratuitos de orientação à população carente. Os atendimentos foram realizados por alunos e pais do Colégio Sagrado Brasília, que prestaram os serviços, de forma voluntária, para as famílias atendidas pelo Projeto Vida.

De acordo com Diogo Della Torres, pai de aluno do Colégio Sagrado e voluntário nos atendimentos, “a ação proporcionou que muitos participantes, que muitas vezes não têm plano de saúde, pudessem realizar atendimentos preventivos ali na hora, como a aferição de pressão e o encaminhamento imediato para um médico. Achei excelente iniciativa a do colégio”, conclui.

A ação contou com a presença de médicos, enfermeiros, massagista, advogados, dentistas, psicólogos, professores de educação física e profissionais para aferir a pressão e orientar sobre primeiros socorros. Teve também oficina de artesanato, apresentação da Escola de Samba ARUC, roda de capoeira, palestra sobre empreendedorismo econômico e cultural, serviço de corte de cabelo, oficina de educação para saúde bucal, em parceria com o SESC, e exposição de artes do Instituto Metamorfose. Estiveram presentes, ainda, professores e coordenadores do colégio. Ao final, foi servido um almoço para todos que estiveram presentes.

Sobre o evento, o morador da comunidade, Ronivaldo da Silva afirmou que “gostou muito e que a cidade de São Sebastião precisa de mais iniciativas como essa, que buscam acolher a população carente”.

Já Luís Fernando Spinardi, outro pai voluntário, afirma “para a gente é uma experiência fantástica poder participar de um projeto inclusivo e, para a comunidade, também traz muita satisfação e crescimento”.

Para finalizar, o coordenador do Serviço de Orientação Religiosa do Colégio, Fernando Kotz, diz “que a experiência da convivência e da integração entre as crianças desperta uma mudança de comportamento, uma grande oportunidade para perceber outras realidades. Já a atividade de ação comunitária destinada à comunidade releva o compromisso da Rede Sagrado com a transformação social”.

Karla Queiroz – Assessora de Comunicação do CSCM – Unidade Brasília

Veja Mais: